HTCinside


Seu iPhone está em sério perigo após a mais recente descoberta do Google

Se você possui um iPhone, pode estar em sério perigo. Isso porque o Google descobriu uma grande falha de segurança no iOS que pode permitir que hackers assumam o controle total do seu dispositivo. A boa notícia é que a Apple já está ciente do problema e está trabalhando em uma correção.

A má notícia, no entanto, é que, até que a Apple lance essa correção, seu iPhone estará vulnerável a ataques. Portanto, se você possui um iPhone, deve ter muito cuidado com o que faz com ele e com quem permite acessá-lo.

Enquanto isso, aqui estão oito etapas que você pode seguir para proteger seu iPhone contra hackers:

segurança para hackear iphone

Conteúdo

1. Mantenha sua versão do iOS atualizada

Uma das melhores maneiras de proteger seu iPhone contra hackers é garantir que você esteja executando a versão mais recente do iOS. A Apple lança regularmente atualizações para o iOS que corrigem falhas de segurança e corrigem bugs. Essas atualizações são essenciais para manter seu iPhone protegido contra hackers. Além disso, eles também adicionam novos recursos e melhoram o desempenho. Portanto, não há motivo para não atualizar seu iPhone para a versão mais recente do iOS o mais rápido possível.

2. Use uma senha forte

Outra maneira de proteger seu iPhone contra hackers é usar uma senha forte. Uma senha forte tem pelo menos seis dígitos e contém uma combinação de números, letras e símbolos. Evite usar senhas fáceis de adivinhar, como seu aniversário, endereço ou nome do animal de estimação. Os hackers podem facilmente quebrar essas senhas usando métodos de força bruta , o que pode custar-lhe caro.

3. Evite redes Wi-Fi públicas

Redes Wi-Fi públicas são uma mina de ouro para hackers. Eles geralmente não são seguros, o que significa que qualquer pessoa pode se conectar a eles e bisbilhotar o tráfego que passa por eles. Portanto, se você estiver usando seu iPhone em uma rede Wi-Fi pública, há uma boa chance de hackers interceptarem seus dados. Para se proteger, evite ao máximo usar redes Wi-Fi públicas. Se você precisar usar um, certifique-se de usar uma VPN para que seu tráfego seja criptografado e menos suscetível a ataques.

4. Use um serviço VPN confiável para criptografar seu tráfego

Uma VPN pode ajudar a criptografar seu tráfego e manter seus dados protegidos contra hackers. Existem muitos serviços de VPN disponíveis, portanto, faça sua pesquisa e escolha a VPN que seja respeitável e tenha um bom histórico. Confiável A criptografia VPN pode ser uma boa solução para privacidade e segurança online. Enquanto o tráfego estiver criptografado, será mais difícil para os hackers bisbilhotarem. Ao procurar uma VPN, encontre uma que ofereça criptografia de nível militar e não mantenha registros da atividade do usuário.

5. Cuidado com o que você baixa

Uma das maneiras mais fáceis para os hackers acessarem seu iPhone é enganar você para fazer o download de software malicioso. Este software pode ser disfarçado como um aplicativo ou jogo legítimo, por isso é importante ter cuidado com o que você baixa. Você deve baixar aplicativos de fontes confiáveis, como a App Store, e certifique-se de ler as avaliações antes de baixar qualquer coisa. Se um aplicativo parecer suspeito, não faça o download.

Você também deve estar atento a golpes de phishing. Golpes de phishing são outra maneira comum de hackers tentarem obter acesso ao seu iPhone. Esses golpes geralmente envolvem um e-mail ou mensagem de texto que parece ser de uma fonte confiável, mas é falso.

6. Use autenticação de dois fatores

A autenticação de dois fatores (2FA) é uma ótima maneira de proteger suas contas de serem invadidas. Funciona adicionando uma camada adicional de segurança, você precisa inserir duas informações antes de poder fazer login em uma conta. A primeira é sua senha e a segunda geralmente é um código enviado ao seu telefone. Isso torna muito mais difícil para os hackers invadirem suas contas, mesmo que tenham sua senha. Portanto, se você ainda não estiver usando a autenticação de dois fatores, certifique-se de habilitá-la em todas as suas contas importantes.

7. Fique de olho no uso da bateria

Se você perceber que a bateria do seu iPhone está acabando mais rápido do que o normal, pode ser um sinal de que seu iPhone foi hackeado. Os hackers costumam usar os recursos do seu iPhone para minerar criptomoedas ou realizar outras atividades maliciosas. Portanto, se você notar uma queda repentina na duração da bateria, é uma boa ideia verificar se há alguma atividade suspeita no seu dispositivo.

Resultado final

Usar um iPhone pode ser perigoso se você não for cauteloso com as possíveis ameaças. É importante tomar medidas para proteger seu dispositivo contra hackers. No final das contas, a melhor maneira de proteger seu iPhone é estar ciente dos riscos e seguir as etapas para mitigá-los.